Dermatologia Clínica

HIPERIDROSE

O suor é um importante mecanismo de defesa do organismo. Além da regulação da temperatura corporal, a sudorese tem a função de umidificar a pele e excretar diversas substâncias potencialmente tóxicas ao corpo. No entanto, alguns indivíduos têm a produção de suor desregulada, em excesso, mesmo em situações de repouso e temperaturas amenas. Esse tipo de sudorese exagerada é chamada hiperidrose. A condição pode estar associada a fatores emocionais, genéticos ou outras doenças.  

Como tratar? Existem diversos tratamentos para solucionar o problema, desde produtos tópicos (como cremes e sprays)  que ajudam a impedir a estimulação das glândulas sudoríparas, até procedimentos em consultório como a toxina botulínica (Dysport®, Botox®). e cirurgias. A toxina botulínica é aplicada na área afetada, sob anestesia local, e age bloqueando temporariamente os nervos estimulantes da sudorese.. O efeito se inicia em até 24hs e a ação do medicamento pode permanecer em média, por 8-12 meses.

contato

Marque sua consulta
ou entre em contato